Coxim/MS, Terça-Feira, 25 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Economia
Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 08h:05
Tamanho do texto A - A+

Refis para empresário pode arrecadar até R$ 50 milhões

Podem participar contribuintes que tenham fatos geradores até 31 de dezembro de 2018

Elaine Silva
Capital News

Edemir Rodrigues / Governo de MS

Refis de MS arrecada R$ 70 milhões

A expectativa é que o programa arrecade até R$ 50 milhões

Finalizando em março o Programa de Recuperação de Créditos Fiscais (Refis) do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), tem expectativa de arrecadar entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões.

Chico Ribeiro/Governo MS

Refis para empresário pode arrecadar até R$ 50 milhões

Felipe Mattos, secretário Estadual de Fazenda

 

 

“Este é um Refis mais agressivo, com redução significativa de juros e multas. Para devedores de grande vulto, com débitos acima de R$ 10 milhões, é possível reparcelamento em até 10 anos, por exemplo. Vale destacar que estar em dia com o fisco permite que, além de regularização tributária, esses contribuintes participem de licitações, processos de compra do Governo e tenham certidão negativa em relação a esses débitos devidos ao Estado”, explicou o secretário Estadual de Fazenda, Felipe Mattos. 

 

Podem participar contribuintes que tenham fatos geradores até 31 de dezembro de 2018, ou seja, débitos referentes a 2019 não entram no Refis. Os interessados devem procurar a Agência Fazendária (Agenfa) mais próxima ou acessar o site da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz-MS). Já os contribuintes com débitos inscritos em Dívida Ativa que já foram ajuizados deverão se dirigir à Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

 

Além de recompor o caixa, o Refis oportuniza aos contribuintes com débito o pagamento facilitado de pendências tributárias. O secretário destacou ainda que 25% do valor arrecadado será repartido com os municípios, obedecendo o critério do Índice de Participação dos Municípios (IPM).

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix