Coxim/MS, Sexta-Feira, 26 de Novembro de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Sábado, 23 de Outubro de 2021, 18h:21
Tamanho do texto A - A+

América vence na Vila Belmiro e complica vida do Santos no Brasileirão

Coelho fez 2 a 0, gols de Ademir e Alê, e deixou o Peixe em situação delicada na tabela

Rogério Vidmantas
Capital News

Ivan Storti/Santos FC

Santos América

América teve um jogador a mais durante todo o segundo tempo e soube administrar a vantagem

A situação do Santos vai ficando cada vez mais complicada no Campeonato Brasileiro. Neste sábado (23), abrindo a 28ª rodada, o Peixe recebeu o América-MG e foi batido por 2 a 0, gols de Ademir e Alê, um em cada tempo. 

 

O resultado deixou o Coelho 35 pontos e provisoriamente ocupando o nono lugar na tabela de classificação. O Peixe, com 29, aparece na 16ª posição e pode terminar a rodada dentro da zona de rebaixamento.

 

O jogo

 

Mesmo na Vila Belmiro, o América começou pressionando o Santos e criando as melhores chances de abrir o placar. Logo aos cinco minutos, Alê aproveitou erro na saída de bola de João Paulo e rolou para Juninho, que chegou batendo de primeira, mas viu o goleiro se redimir e fazer boa defesa. Depois, Eduardo Bauermann desviou para o gol e tirou tinta da trave. A partir dos 20 minutos, o Peixe começou a equilibrar as ações, mas não chegou a levar muito perigo. Na melhor chegada, Marinho arriscou de longe e exigiu boa defesa de Matheus Cavichioli.

 

Quando o 0 a 0 parecia se confirmar para a saída para o intervalo, o Coelho ficou em vantagem. Aos 46 minutos, Jean Mota cometeu pênalti em Ademir e foi expulso. Na cobrança, o próprio atacante do time mineiro bateu e fez 1 a 0.

 

O América aumentou a vantagem logo no primeiro minuto do segundo tempo. João Paulo saiu mal em cruzamento alto da esquerda, e a bola sobrou para Alê mandar para o fundo das redes: 2 a 0. Os visitantes seguiram controlando as ações, com maior posse de bola e se lançando mais ao ataque, mas sem novos gols. O Santos, já nos minutos finais, conseguiu criar duas chances de diminuir. A melhor delas, aos 43, quando Lucas Braga fez boa jogada pela esquerda e chutou cruzado para boa defesa de Matheus Cavichioli. Marcos Guilherme ainda tentou completar o rebote, mas o goleiro americano salvou os visitantes novamente.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix