Coxim/MS, Quinta-Feira, 01 de Outubro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Sexta-Feira, 14 de Agosto de 2020, 07h:51
Tamanho do texto A - A+

Inter, São Paulo e Vasco fecham rodada do Brasileirão com vitórias

Colorado fez 2 a 0 no Santos e se juntou ao grupo que lidera a competição com 100% de aproveitamento

Rogério Vidmantas
Capital News

Rubens Chiri/São Paulo FC

São Paulo Fortaleza

Daniel Alves (esq) marcou o gol da vitória do São Paulo no Morumbi

Três jogos encerraram a segunda rodada do Campeonato Brasileiro nesta quinta-feira (13), com vitórias de estreantes e mais um time para dividir a liderança. São Paulo e Vasco da Gama fizeram seus primeiros jogos e bateram, respectivamente, Fortaleza-CE e Sport-PE. O Internacional recebeu o Santos e, com a segunda vitória na competição, se junta a Athletico-PR e Atlético-MG na liderança, únicos com dois jogos e 100% de aproveitamento.

 

São Paulo

 

No Estádio do Morumbi, o São Paulo começou levando susto do Fortaleza. Aos 17 minutos, Romarinho fez o cruzamento e Bruno Melo sem pensar duas vezes chegou batendo forte e viu Tiago Volpi fazer a defesa. A etapa inicial parecia se encaminhar para um 0 a 0, até que, aos 43, Reinaldo colocou a bola na área e Daniel Alves apareceu na segunda trave para fazer o desvio certeiro e marcar o gol do jogo. 

 

Na volta do intervalo, o Fortaleza chegou a balançar as redes, aos quatro minutos, mas teve o gol anulado depois de um toque no braço de Juninho, apontado pelo árbitro de vídeo. Na marca dos 18, foi a vez de Romarinho criar para a equipe cearense, mas novamente Tiago Volpi evitou o gol. Já nos minutos finais, os visitantes montaram uma blitz no setor ofensivo para buscar o empate. Juninho teve mais uma chance, aos 41, mas esbarrou na defesa. Na sequência, o São Paulo voltou assustar em finalização de Tchê Tchê que parou em Felipe Alves e a vitória do Tricolor paulista foi mesmo de 1 a 0.

 

Porto Alegre

Twitter Oficial/SC Internacional

Internacional Santos

Guerrero (9) apareceu na área para marcar o primeiro gol colorado no Beira-Rio

 

No Beira-Rio, Inter e Santos fizeram um jogo sem gols no primeiro tempo, mas no segundo a rede balançou a favor do Colorado. Aos 13 minutos, Saravia cruzou com perfeição, na cabeça de Guerrero, que foi fatal e abriu o placar. Aos 21, o Santos chegou a marcar com Kaio Jorge, mas a arbitragem anulou o gol ao ver mão do atacante alvinegro. Mesmo em vantagem, os comandados do técnico Eduardo Coudet seguiram pressionando até o fim. Tanto que, aos 42, chegou ao segundo e belo gol. Guerrero deu lindo passe de calcanhar para Ednílson, que apareceu cara a cara com Vladimir e tocou por cobertura. Verdadeira pintura que fechou o placar em 2 a 0. 

 

Rio de Janeiro

 

Em São Januário, o Vasco precisou apenas do primeiro tempo para construir a vitória sobre o Sport e com dois gols de Fellipe Bastos, ex-jogador do clube pernambucano. Aos oito minutos, Benítez apareceu bem pela esquerda e fez o cruzamento certeiro para o volante fazer valer a Lei do Ex e abrir o placar. Inspirado, Fellipe Bastos cobrou falta do meio da rua, na marca dos 29, e carimbou a trave. Mas o cara da partida queria mais. E, aos 31, em mais uma cobrança de falta, anotou um golaço para ampliar contagem e fechar o placar em 2 a 0. 

 

Classificação

 

Com apenas duas rodadas, Athletico, Atlético e Inter, na ordem, estão nas primeiras posições com seis pontos cada. O Grêmio, com quatro, completa o G4. Na zona de rebaixamento, todos sem pontuas, estão, na ordem, Goiás-GO, Coritiba-PR, Fortaleza e o atual campeão Flamengo. O Corinthians também não pontuou, mas é o 16º pelos critérios de desempate.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix