00:00:00 Quarta-feira, 17 de Julho de 2024


Polícia Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2021, 13:41 - A | A

Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2021, 13h:41 - A | A

Monitoramento

Acusado de feminicídio é preso após seis anos

Policiais estavam monitorando o autor a cerca de dois meses

Elaine Silva
Capital News

Gilberto Rodrigues do Nascimento, de 39 anos, foi preso nesta quinta-feira (11). Ele estava foragido da justiça desde 2015, por ter assassinado, com 5 disparos de arma de fogo no rosto, sua ex-companheira, Bruna Saritta Rosa, e tentar matar o namorado dela.

Divulgação/PCMS

Acusado de feminicídio é preso após seis anos

Acusado estava sendo monitorado a cerca de dois meses


A Delegacia de Polícia Civil de Rio Verde de Mato Grosso deu cumprimento ao mandado de prisão. Os policiais tentava capturar o acusado, e, há pelo menos dois meses, vinha o monitorando. Com base nas informações levantadas pelo Setor de Investigações da Polícia Civil (Sig), foi verificado que o autor estava se escondendo em uma área rural remota, dentre os municípios de Água Clara, Ribas do Rio Pardo, Camapuã e Paraíso das Águas.

Investigadores realizaram uma varredura nas propriedades rurais, e conseguiram capturar o procurado. Segundo a Polícia Civil, em posse do autor foi encontrada uma cédula de identidade falsa, sendo autuado também pelo crime de falsificação de documento público.

A investigação foi denominada de Operação Themis pela origem na Deusa da Justiça, figura feminina que representa o poder judiciário como uma mulher com os olhos vendados e espada: os olhos vendados representam a imparcialidade da justiça e a espada representa a força, a coragem, a ordem e a regra necessárias para impor o direito.

 

Comente esta notícia