00:00:00 Sexta-feira, 19 de Julho de 2024


Polícia Quarta-feira, 08 de Fevereiro de 2017, 18:34 - A | A

Quarta-feira, 08 de Fevereiro de 2017, 18h:34 - A | A

Violência doméstica

Homem não se abala com tiros e volta a ameçar ex-namorada

Vítima procurou a Delegacia de Atendimento a Mulher na terça-feira

Natália Moraes
Capital News

Mesmo recebendo três tiros do ex-enteado Ricardo Santiago Oliveira Garcia, de 35 anos, Willian Douglas Vieira da Silva, de 26 anos voltou a ameaçar a ex-namorada S.O.G., de 57 anos, moradora do bairro Senhor Divino, em Coxim.


A mulher procurou a Delegacia de Atendimento a Mulher nesta terça-feira (7) e denunciou a ameaça, segundo o site Edição de Notícias. No local, ela solicitou medida protetiva porque teme pela própria vida e dos filhos. Conforme a vítima, ela manteve um relacionamento com Silva por dois anos e quando tentou encerrá-lo, foi obrigada a continuar a relação sob ameaças e agressões constantes.


Ainda segundo o Edição de Notícias, a última ameaça ocorreu na sexta-feira (3), quando a mulher recebeu uma ligação do ex-namorado a intimidando. Não foi a primeira vez que ela registrou a violência doméstica na DAM.


No dia 31 de janeiro, o filho da vítima disparou várias vezes contra Silva. Ao ser preso pela Polícia Civil, ele teria declarado que não aguentava mais a situação. “Sou apenas um filho querendo proteger a mãe”, disse.


Antes de tomar essa medida, o rapaz disse ter conversado com Silva várias vezes, implorando para que deixasse a mãe em paz. Apesar de não possuir antecedentes, Garcia não foi colocado em liberdade na audiência de custódia. Ele continua preso no Estabelecimento Penal de Coxim.

Comente esta notícia