Coxim/MS, Domingo, 17 de Novembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Sexta-Feira, 04 de Outubro de 2019, 17h:36
Tamanho do texto A - A+

Infraestrutura é a principal reivindicação na terceira etapa do Governo Presente

Objetivo desse programa é traçar investimentos futuros nas áreas de desenvolvimento, infraestrutura, educação, saúde e segurança

Adriana Ximenes
Capital News

Chico Ribeiro

Terceira etapa do Governo Presente encerrou

Principais demandas das regiões já estão no planejamento do Executivo Estadual, revelou Reinaldo Azambuja

Chegou ao fim nesta sexta-feira (4) a terceira etapa do programa Governo Presente que leva a estrutura administrativa do Estado para atendimento de prefeitos e outras lideranças no interior de Mato Grosso do Sul. 

 

Nesta edição, realizada em Aquidauana com 16 municípios do Pantanal, Sudoeste e Serra da Bodoquena, as principais demandas apresentadas ao governador Reinaldo Azambuja foram na área da infraestrutura.

 

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB), explicou que dentre as  solicitações apresentadas, estão a restauração da rodovia que liga Anastácio a Bonito, passando pelo distrito Águas de Miranda; a recuperação da rodovia que conecta Bonito a Guia Lopes da Laguna; e demais conexões rodoviárias no Pantanal. “Muitos desses pedidos já estão no planejamento

 

“Já estamos interligando o Pantanal da Nhecolândia no Pantanal do Paiaguás e ao Pantanal do Nabileque. Essas regiões extensas eram praticamente impossíveis de visitar por rodovia e hoje têm estradas que não são pavimentadas, mas tiveram toda a implantação com condições aos hotéis fazendas, passeios turísticos e integração da região”, completou.

 

A pavimentação da BR-419, executada pelo Governo Federal, que sai de Aquidauana e chega até Rio Verde de Mato Grosso, foi outro pedido apresentado pelos prefeitos, pois margeia toda a Serra de Maracaju e é aspecto importante para o desenvolvimento do turismo. O governador reafirmou que já trabalha para que a União libere recursos e conclua a obra. Sobre Bonito, Reinaldo Azambuja destacou que a pavimentação da MS-382, da cidade até a Gruta do Lago Azul, está em fase de licitação.

 

A meta do governador de Mato Grosso do Sul é criar uma rota rodoviária estadual de 1.000 Km e integrar os municípios do Pantanal, desde as regiões Norte (Sonora, Coxim, Rio Verde e Rio Negro), Oeste (Aquidauana, Miranda e Corumbá) e Sul (Porto Murtinho), com conexão a Bodoquena, Bonito e Jardim, principais destinos de ecoturismo. Esse corredor de produção pecuária e ecologia deve ser concretizado neste mandato do governador.

 

O objetivo do Governo Presente é traçar investimentos futuros nas áreas de desenvolvimento, infraestrutura, educação, saúde e segurança.  Com o fim da terceira fase do programa, prefeitos, vereadores e demais lideranças de 43 cidades do Bolsão, Norte, Pantanal, Serra da Bodoquena e Sudoeste foram atendidos. Nas próximas semanas o Governo Presente reunirá municípios das regiões da Grande Dourados e de Naviraí.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix