Coxim/MS, Quarta-Feira, 17 de Agosto de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Rural
Quarta-Feira, 08 de Junho de 2022, 18h:51
Tamanho do texto A - A+

Alessandro Coelho propõe criação de comitê para reunir projetos pró-Pantanal

Entidades públicas e privadas devem se reunir para tabelar as iniciativas que favorecem a pecuária, o turismo e a biodiversidade

Iury de Oliveira
Capital News

Divulgação/Sindicato Rural

Alessandro Coelho propõe criação de comitê para reunir projetos pró-Pantanal

O presidente do Sindicato Rural de Campo Grande, Alessandro Coelho

O presidente do Sindicato Rural de Campo Grande, Alessandro Coelho, propôs em evento nesta terça-feira (07), a criação de um comitê estratégico, que deve reunir entidades públicas e privadas para a organização de ações a favor do desenvolvimento sustentável do bioma Pantanal.

 

Segundo Coelho, é necessário o acompanhamento e o desenvolvimento de estratégias, que conectem essas ações, geralmente ligadas à cultura, ciência e tecnologias, negócios, pecuária e turismo. 

 

“Nossa ideia é que empresas como a Energisa, Sebrae, ABPO, Semagro, produtores rurais e outras entidades, que se interessam na manutenção da biodiversidade e na geração de novas ações empreendedoras, se reúnam com uma periodicidade determinada, para que possamos monitorar, quantificar e acompanhar essas ações que merecem destaque. E ainda destaco o papel de veículos de comunicação como a TV Morena, que tem função de estimular uma comunicação direta com a sociedade, desmistificando questões ligadas ao bioma, à pecuária que se desenvolve por lá e sobre a oportunidades de negócios”, relata o presidente do SRCG, Alessandro Coelho.

 

O diretor de negócios da TV Morena, Antonio Alves (Tunico), destacou o papel da novela Pantanal, como uma grande plataforma de divulgação, tanto para o Brasil, como em outros países. “A novela estreou com mais de 40 milhões de pessoas assistindo. E quanto mais falar do Pantanal, mais se desmistifica muita coisa. O agro do Pantanal ou tudo que é ligado ao ecossistema, carrega uma falha de comunicação, e temos muito o que melhorar nesse quesito, até que consigamos vender o agro da forma como ele merece, esse é um desafio constante. E a novela está trazendo essa imagem positiva”.

 

O coordenador de projeto e cadastro da Energisa, Heber Henrique Selvo do Nascimento, destacou o projeto Ilumina Pantanal, que tem mantido produtores rurais e seus colaboradores no bioma.

 

Também participaram do evento o presidente da Associação Pantaneira de Pecuária Orgânica e Sustentável – ABPO, Eduardo Cruzetta; o gerente do SebraeMS, Rodrigo Maia Marcelo Pirani; o coordenador de pecuária da Semagro, Marivaldo Miranda; e a proprietária da Pousada Pioneiro, Cristina  Moreira da Rocha Bastos.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix