Coxim/MS, Terça-Feira, 16 de Agosto de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Rural
Sábado, 02 de Julho de 2022, 09h:53
Tamanho do texto A - A+

Queda no preço da carne de frango eleva competitividade com a suína

Em junho preço da carne de frango caiu e o da carne suína subiu

Iury de Oliveira
Capital News

Divulgação/Semagro

Exportações em Mato Grosso do Sul gera superávit de R$ 2 bilhões

Produção de aves em MS

 

Os preços da carne de frango caíram no mês de junho, enquanto que os valores da suína subiram. Diante disso, a competitividade da proteína avícola frente à concorrente cresceu pelo segundo mês consecutivo.

 

Em junho (até o dia 29), o frango inteiro resfriado foi comercializado no atacado da Grande São Paulo à média de R$ 7,44/kg, queda de 1,1% sobre a de maio. Segundo colaboradores do Cepea, apesar das vendas externas aquecidas, o baixo consumo interno pressionou as cotações da maioria dos produtos da avicultura de corte. Já para a carne suína, o período de inverno e festas tradicionais têm aquecido as vendas, ao passo que a oferta de animais em peso ideal de abate está menor, contexto que vem resultando em elevação dos preços.

 

Em junho, a carcaça especial suína foi cotada, em média, a R$ 9,35/kg, avanço mensal de 1,1%. Diante disso, a carcaça suína esteve 1,91 Real/kg mais cara que o frango inteiro na parcial de junho, diferença 10,8% maior que a observada em maio, o que reduziu a competitividade da carne de frango frente à substituta.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix